A modernização das empresas com a ajuda da computação em nuvem vem sendo um dos assuntos mais discutidos no mercado nos últimos anos.

Porém, as empresas devem se atentar para saber qual o modelo de nuvem mais adequado e qual entregará os melhores resultados para o seu tipo de negócio.

Por isso, é fundamental entender bem como funcionam e quais são os tipos de serviços que podem ser usados com essa tecnologia.

E, com a era digital cada vez mais avançada, uma empresa fabricante de comida low carb delivery, por exemplo, deve focar na transformação de métodos para não ficar para trás.

Para ajudar os leitores a entenderem mais sobre o assunto, o artigo a seguir apresentará os tipos e a definição dessas nuvens.

Além disso, mostrará em quais plataformas podemos ter acesso a essa tecnologia e, por fim, mostrará como descobrir qual a melhor solução na nuvem para um negócio.

Os tipos de computação em nuvem

A computação em nuvem conta com três principais tipos, a pública, a híbrida e também a privada. A diferença delas está na capacidade de atender a demanda e de solucionar problemas.Os tipos são:

1. Nuvem pública

O primeiro tipo de armazenamento em nuvem apresentado é o de nuvem pública. Esse serviço de armazenamento se baseia no data center de uma provedora responsável por fornecer suporte aos planos dos clientes.

Toda a infraestrutura, cada um dos equipamentos necessários e os custos de gestão e manutenção serão de total responsabilidade de quem está provendo.

O acesso geralmente é controlado, até porque isso garante que as informações do negócio que vende troféu personalizado, por exemplo, fiquem seguras.

2. Nuvem privada

A nuvem privada tem o seu funcionamento muito parecido com a nuvem pública, seu funcionamento ocorre da seguinte forma:

Porém, o que diferencia a nuvem privada da pública é que ela não compartilha os seus recursos e as suas soluções com as demais empresas, tornando-se uma nuvem para quem deseja ser mais exclusivo.

3. Nuvem híbrida

A terceira e última nuvem é a híbrida, ela mistura os elementos tanto da nuvem pública quanto da nuvem privada e cria um tipo de tecnologia que permite a compartilhamento de recursos mas com mais flexibilidade.

A forma como cada uma das soluções são utilizadas só pode ser determinada por um lado, que é a contratante, que escolherá o melhor modelo para a sua demanda.

A nuvem apesar de ser híbrida, consegue manter todos os requisitos de segurança necessários para proteger os dados de empresas de engenharia e consultoria ambiental.

Plataformas de armazenagem mais importantes

Nos dias de hoje, existem inúmeras plataformas de armazenagem em nuvem, algumas das mais usadas e mais conhecidas, são:

Google Drive

A primeira plataforma abordada será o Google Drive, seu serviço de armazenamento provavelmente é o mais conhecido nos dias de hoje.

A plataforma já vem inclusa em todos os celulares do sistema android, além de estar integrada a qualquer sistema que a empresa Google cria.

O Google Drive se destaca por uma série de razões, ele é integrado aos sistemas Google, tem mais de 10GB de armazenamento grátis e muito mais.

Dropbox

O dropbox se destaca nesse meio pela sua maneira simples e intuitiva de usabilidade. Mas diferente do Google Drive ele só permite o armazenamento de 2GB gratuitos.

O Dropbox permite o armazenamento de fotos, vídeos, documentos e vários outros arquivos que possam ser importantes até mesmo para uma escola para criança de 2 anos, por exemplo.

Vale lembrar também que essa plataforma não faz sincronização dos arquivos de dispositivos móveis e que ela conta com algumas opções pagas em dólar nos planos Premium.

OneDrive

O serviço de armazenamento da Microsoft é chamado de OneDrive, todos os computadores com o sistema do Windows contam com essa plataforma.

Ele permite até 7GB de armazenamento gratuitos, incluindo fotos, vídeos, planilhas e outros documentos que previstos sem pagar nada por isso.

A sincronização do onedrive pode ser feita em todos os aparelhos, assim como o Google Drive e diferente do Dropbox.

iCloud

O sistema de armazenamento criado pela Apple leva o nome de iCloud, ele foi idealizado para melhorar a experiência dos consumidores da empresa.

Esse tipo de armazenamento só está disponível para as pessoas que adquirem os produtos da marca, assim como o iPhone, iPod e computadores da empresa.

Ou seja, todos os dados que envolvam um aparelho da Apple estarão lá, até mesmo o conserto microfone iphone 7.

O iCloud se diferencia principalmente pelos seus serviços exclusivos para a marca, que permitem que em planos pagos o usuário tenha até 2TB de espaço para uso e por vários outros motivos.

Box

O Box está entre as primeiras plataformas de armazenamento criadas no mundo, seu lançamento aconteceu no ano de 2005.

Ele oferece 10GB de armazenamento 100% gratuito para a empresa vendedora de bateria 150 amperes para caminhão que optar por usá-lo.

Essa plataforma trabalha com serviços pouco atraentes e para uso pessoal, já que o seu foco na realidade é fornecer armazenamento para as corporações.

Como descobrir a melhor solução na nuvem?

Até mesmo quando os gestores de uma empresa estão totalmente convencidos das inúmeras vantagens que o negócio terá ao passar seus dados e informações para a nuvem, algumas dificuldades ainda podem acabar surgindo.

E a maior delas é a definição da modalidade e de quais recursos podem ser mais viáveis para o tipo de negócio que a empresa vendedora de etiqueta de validade personalizada faz.

Mesmo que não exista uma resposta padrão para essa dúvida até porque cada empresa tem seus pontos únicos, certamente alguma das opções se encaixam melhor para ela.

O passo inicial para isso é ter total conhecimento sobre a real situação do negócio, desde os fluxos de operação e seus gargalos, até os pontos fortes que ele tem e as perspectivas sobre o futuro.

Um diagnóstico desse tipo é fundamental para ajudar os gestores a tomarem a melhor decisão possível e não cometam erros decidindo algo que será ruim para a empresa.

Algumas questões a se repintar podem ajudar a facilitar a escolha que o gestor fará sobre a melhor nuvem para armazenar as informações e os dados do negócio.

Ele pode se perguntar se tem recursos para adquirir tais plataformas, se a empresa tem um fluxo grande de informações e se o TI concorda com essa expansão.

Pode se perguntar também, se o cliente precisa de uma melhora no atendimento e na funcionalidade dos processos da empresa, entre muitas outras.

Essas e outras perguntas ajudarão a escolher qual o tipo ou os tipos de nuvens mais adequadas e alinhadas ao que o negócio precisa.

Além disso, avalie sempre os softwares que a empresa utiliza, até porque, como visto, alguns são usados especificamente por algumas marcas.

Depois de definidos, é possível fazer a migração aos poucos, ajustando o que precisa ser ajustado, para que o que está sendo feito não atrapalhe os processos do negócio.

Cada um dos processos empresariais nesta ação devem ser avaliados, pois adicioná-los na nuvem pode acabar causando alguma alteração neles, principalmente por computadores com mais automação.

Se surgirem dúvidas sobre a usabilidade da nuvem escolhida é possível contar com a ajuda de parceiros que já usam esse tipo de tecnologia há algum tempo.

Conselhos de quem domina o assunto ajudam a tornar a migração muito mais fácil e a elaborar melhores planos para a plataforma.

As empresas provedoras de nuvem na maioria das vezes já se responsabilizam por fornecer uma ajuda desse tipo para o negócio de endereço fiscal para abertura de empresa.

Até porque esses lugares geralmente têm um grande interesse em conhecer o que os seus clientes necessitam para poder oferecer as melhores soluções e conquistar sua confiança.

Considerações finais

O surgimento de diferentes tipos de computação em nuvem permitiu que as empresas pudessem expandir muito mais sua captação de dados e até mesmo que criassem suas próprias plataformas de armazenamento.

Para definir a melhor para o seu tipo de negócio, é fundamental estudar cada uma delas e conhecê-las, além de se fazer algumas perguntas que ajudarão a tomar a decisão certa

Depois de escolher os tipos de nuvem e a plataforma mais assertiva para o negócio, será possível vislumbrar as inúmeras vantagens que o negócio terá em se atualizar e entrar no mundo da computação em nuvem.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.